Skip to content Skip to footer

Como uma boa gestão financeira ajuda na tomada de decisão da sua empresa

Como uma boa gestão financeira ajuda na tomada de decisão da sua empresa

Gestão Financeira refere-se ao planejamento estratégico e dedicado, organização e tratamento de todos os aspectos financeiros do negócio, o que inclui:

  • Contabilidade e escrituração;
  • Gerenciamento de fluxo de caixa;
  • Planejamento financeiro;
  • Análise de indicadores e resultados.

Neste conteúdo, separamos algumas dicas relacionadas a gestão financeira e a sua importância na tomada de decisões importantes da sua empresa.

O sucesso de qualquer negócio se baseia na gestão adequada dos recursos, na inovação e na competitividade com as demais empresas.

Uma vez que a boa gestão financeira é o pivô central de qualquer empresa, apresentamos a seguir cinco hábitos de empresas de grande sucesso na gestão de suas finanças.

1.Investimento na contratação de um gerente financeiro

A função de um gerente financeiro é de vital importância para uma organização empresarial.

Não podemos negar, erros no planejamento ou na tomada de decisões relacionadas às finanças empresariais podem resultar em prejuízos e consequências significativas.

Para que uma empresa mantenha as finanças em dia e garantir uma gestão assertiva do seu capital financeiro, é aconselhável contratar um gerente financeiro especializado ou uma consultoria contábil que ofereça serviços de BPO Financeiro.

Esses profissionais serão responsáveis por acompanhar de perto a evolução financeira dos negócios e contribuir para a tomada de decisões importantes.

2.Análise periódica dos índices financeiros

Outro aspecto importante relacionado a gestão financeira dos negócios é a análise periódica de relatórios e indicadores financeiros, dentre eles:

  • Margem Bruta;
  • Margem Líquida;
  • Margem de Custos;
  • EBITDA;
  • Ponto de Equilíbrio;
  • Liquidez Corrente;
  • Índice de Cobertura de Juros;
  • Fluxo de Caixa;
  • ROI

3.Análise regular das demonstrações financeiras

A análise regular das Demonstrações Financeiras ajudará a monitorar a saúde da empresa e compará-la com períodos anteriores ou até mesmo com a concorrência.

A estrutura financeira equilibrada da sua empresa permitirá que você melhore seu poder de negociação, conheça os custos associados ao negócio, suas margens de lucro e contribuirá para a tomada de decisões assertivas.

Dentre as principais demonstrações financeiras que uma empresa precisa acompanhar de perto, podemos destacar:

  • Balanço Patrimonial;
  • Demonstração do Resultado do Exercício (DRE);
  • Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido (DMPL);
  • Demonstração de Lucros e Prejuízos Acumulados (DLPA);
  • Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC);
  • Demonstração do Valor Adicionado (DVA).

4.Separação das finanças pessoais e empresariais

Separar as finanças pessoais e empresariais é uma das regras básicas para uma gestão financeira eficiente e assertiva.

Uma empresa que mantém um departamento financeiro organizado, mantém o patrimônio dos sócios e do negócio separados e possui bons indicadores, tem chances potenciais de captar investidores ou obter um financiamento, se necessário.

5.Ter fundo de emergência

Ter um fundo de emergências é fundamental para toda empresa que pretende se manter no mercado, sobrevivendo às oscilações da economia.

O valor da reserva depende do porte e da atividade da empresa, no entanto, manter em aplicações seguras o valor correspondente a no mínimo 3 meses de despesas operacionais é uma medida muito prudente e recomendada.

Para mais dicas e conteúdos relacionados a gestão de negócios, continue acompanhando o blog da Zanini Auditoria.

Translate »