Skip to content Skip to footer

Como lidar com o descontrole de gastos?

Como lidar com o descontrole de gastos?

Como lidar com o descontrole de gastos?

Para que as empresas desenvolvam uma boa gestão financeira, o primeiro ponto a ser trabalhado é o descontrole de gastos, visto que é um problema que desequilibra as finanças e compromete a capacidade de saldar os seus compromissos.

Pensando nisso, a Zanini Auditoria escreveu esse artigo para explicar as soluções que as empresas podem adotar para lidar com esse problema. Além de esclarecer os principais fatores que geram o descontrole de gastos na organização.

O que é o descontrole de gastos no ambiente empresarial 

De uma maneira simples, o descontrole de gastos deve ser entendido como uma falta de controle financeiro sobre todos os recursos da empresa. Isso porque o desperdício de qualquer recurso tende a afetar as contas e gerar um desajuste do orçamento.

Desse modo, os principais aspectos que geram descontrole de gastos em uma empresa são os seguintes:

1 – Não realiza um controle sistemático do fluxo de caixa, resultando em desconhecimento de como os recursos estão sendo utilizados;

2 – Não existe um sistema de gerenciamento dos processos da empresa, de modo a permitir um monitoramento das atividades, tais como: controle de estoque, empréstimos, retirada dos sócios, compras de materiais e insumos, dentre outros;

3 – Desconhecer o custo da empresa para produzir e comercializar os seus produtos, tendo o preço de venda definido sem uma base consistente de informações financeiras. Como resultado, pode não suprir nem os custos de produção da empresa.

Como solucionar o descontrole de gastos na empresa

O primeiro passo para solucionar o descontrole de gastos na empresa consiste em implementar uma gestão financeira assertiva. Para isso, é necessário adotar um controle financeiro eficiente de todos os processos e atividades de todas as áreas.   

Veja a seguir os principais controles financeiros a serem adotados pela empresa para acabar com o descontrole de gastos e gerenciar as finanças com eficiência:

1 – Manter contas separadas para a empresa e para os sócios, o que evita a utilização inadequada dos recursos empresariais, gerando descontrole financeiro;

2 – Estabelecer um monitoramento diário do fluxo de caixa, acompanhando toda a movimentação dos recursos e sua destinação específica;

3 – Mapear todos os processos da empresa, buscando verificar sua assertividade e o consumo de recursos. Principalmente, apurando os custos de produção e dos setores administrativos;

4 – Estabelecer um controle sobre a gestão de estoques, visando manter um estoque conforme a real necessidade da empresa, evitando perdas e desperdícios de qualquer material. Ou seja, evitando o descontrole de gastos

5 – Fazer um levantamento das contas a pagar e a receber para os próximos meses, visando identificar a capacidade financeira da empresa, bem como sua disponibilidade de capital de giro;

6 – Se a empresa estiver com pagamentos atrasados, busque negociar com fornecedores para conseguir estender os prazos ou até mesmo descontos dos valores.

Dicas para o sucesso do controle financeiro na empresa 

1 – Elaborar um planejamento estratégico e financeiro para a empresa, estabelecendo os objetivos e metas a serem alcançados. Além de definir os indicadores de desempenho (KPIs) para avaliar a assertividade das soluções adotadas.

2 – Implementar na empresa uma cultura de não desperdício e responsabilidade de todos pelo uso dos recursos da empresa, destacando a ideia que todos ganham com o sucesso do negócio. 

Portanto, aprender a lidar com o descontrole de gastos em uma empresa requer adotar medidas que gerem uma gestão financeira otimizada e eficiente. Para isso é fundamental implementar o controle financeiro com um planejamento estratégico. 

Se quiser mais informações sobre o assunto, entre em contato com a Zanini Auditoria.Confira outros artigos da Zanini Auditoria no blog do nosso site!